Comentário de Carmen Lemos: Cascais, um lugar ao sol

04.04.2016

Cascais local de veraneio da antiga Aristocracia, “Costa do Sol” aposta agora também em dar um lugar ao sol aos seus aglomerados tradicionais através da “Estratégia Local de Habitação Cascais” aproveitando as sinergias criadas para a reabilitação urbana.

 

Articulada com os benefícios fiscais e financeiros, o regime especial na simplificação dos procedimentos de controlo prévio urbanístico e o desenvolvimento a nível do Governo do programa “Reabilitar para Arrendar” pretende-se garantir a preservação do património construído, no caso os núcleos urbanos históricos considerando que uma acção consertada de preservação e qualificação venha a gerar dinâmicas de melhoria de qualidade de vida do Concelho do ponto de vista ambiental, económico e social.

 

Foram 33 os núcleos delimitados como Areas de Reabilitação Urbana o que permite ter uma ideia da importância dada pela Autarquia a esta estratégia para reabilitar estes espaços centrais com valor patrimonial ou somente de identidade que perderam na sua maioria atractividade face a outros padrões de consumo.

 

Para isso pretende incentivar os privados a reabilitarem o elevado número de fogos devolutos e degradados através da dinamização de um mercado de arrendamento, de um acompanhamento mais próximo, disponibilização de informação no portal e intervenções de requalificação espaço publico.

 

Ao não haver a pressão imobiliária sentida nos grandes centros urbanos serão em princípio actuações com uma preservação maior da estrutura do edificado e das tipologias arquitectónicas e menos de recriação de fachadas, um outro lado “solar” das intervenções de reabilitação.

 

Carmen Lemos é arquitecta, possui uma pós-graduação em Recuperação de Centros Urbanos pela ETAC/UNESCO, um curso de Gestão Pública na Administração Local/CEFA e é técnica superior na área do Planeamento. 

TAGS: Comentário , Carmen Lemos , reabilitação , turismo
Vai gostar de ver
VOLTAR